COMPRE ONLINE
Quarto do bebê

Quarto do bebê, 10 dicas para você planejar, montar e decorar.

Quarto do bebê para menino e para menina, tire suas dúvidas e monte o quarto perfeito para seu tesouro!

Então o (a) pequeno (a) está chegando e o quarto do bebê precisa estar pronto. Depois da felicidade de descobrir que mais um membro vai ingressar na família, avós, pais e dindos se unem para incrementar o cômodo mais especial da casa: o quarto do bebê. Os detalhes precisam ser impecáveis, a decoração tem que ser a certa e cada móvel precisa ser aquele que vai auxiliar os pais a passar horas na madrugada fria do inverno tentando fazer com que aquele novo pequenino volte ao sono.

 

Porém o quarto para o bebê pode dar trabalho de ser montado, por isso ler dicas em diversos blogs, revistas e livros é muito importante. Há um aparecimento de novas ideias, de novas formas de montar e de algo que pode dar aquele destaque especial que o bebê irá amar e se sentir acolhido e aconchegante.

 

Neste artigo, veremos 10 dicas para você que está esperando o seu bebê e preparando tudo para a chegada do novo xodó da família:

 

1 – O Berço neutro

O Berço parece ser uma parte importantíssima e de destaque para o quarto do bebê, porém ele sempre está encoberto por edredons e travesseiros que tiram sua beleza. E outra: o único momento em que o berço será notado é quando o bebê estiver dormindo nele, exatamente quando ele é a atração principal. Por isso um berço em cor neutra é uma ótima escolha e utilizar outros artifícios que deem destaque a ele (veremos nas dicas que prosseguirão). Portanto cores claras são ótimas pedidas: um azul, um bege, um rosa… A escolha vai da preferência.

 

 

2 – O jogo de cama
Após a escolha do berço, o jogo de cama é o que dará vida ao ninho do bebê. Para combinar, compre roupas de cama que aliem cores claras a cores vivas. Um degrade de vermelho, vindo do claro até o escuro acompanhado de um travesseiro em cor branca sempre deixa o ambiente com um equilíbrio de cores. A opção por manter um esquema de cores claras, aliando um rosa claro a um berço de cor verde claro também é interessante. A intensidade e tonalidade das cores dão uma tranquilidade para o sono do bebê.

 

 

3 – O clássico baú
O baú é um clássico dos quartos de criança. Ele não pode faltar e deve combinar com a cor do berço. Ele é indispensável! O baú é como a cápsula do tempo que acompanhará o quarto do bebê, mesmo que o bebê se torne uma criança e essa criança se torne um adolescente. Ele estará lá (aí a importância da neutralidade do berço, o baú será eterno). Essa peça é transcendental, ela é o elo entre o recém-nascido e o futuro adulto que ali repousa durante os primeiros anos de vida. É peça fundamental para a decoração do quarto do bebê. Ele será preenchido por pequenos brinquedos, depois por brinquedos maiores e, com a vida adulta chegando, revistas e livros tomarão conta de seu espaço.

 

 

4 – Papel de parede
Importante ponto a se focar. O papel de parede dará a cara ao quarto do bebê, portanto deve ser bem pesquisado e muito bem selecionado. Porém é sempre bom utilizar a neutralidade das cores. Lembre-se: o quarto do bebê tem de ser um lugar sem coisas que assustem ou impressionem o bebê. Deve ser aconchegante e relaxante para que, mesmo que o bebê acorde, as cores relaxantes que predominam o ambiente tragam aquele conforto para o bebê sonolento.

 

 

5 – Brinquedos espalhados
Um clássico. Pequenos brinquedinhos demonstram que ali vive um pequenino. O bebê olha para bonecos sorrindo – mesmo ainda sem entender – que representam conforto. Os brinquedos que o bebê costuma brincar durante o dia estarão lá durante a noite para que ele acorde, olhe e perceba que ele não está sozinho. Brinquedos também dão um ótimo ar de decoração ao ambiente. É a delimitação do espaço do bebê, seu quarto, seus domínios. É um perfeito acessório.

 

6 – Quadros pela parede

Ficam ótimos. Sejam eles representados por figuras infantis, que darão a alma que tanto faltou aos papéis de parede. O papel de parede vira um fundo ótimo para os quadros que se destacarão (daí a importância da neutralidade dos itens). Por isso, quadros coloridos de cores vivas – não muito grandes – são ótimos incrementos ao quarto do bebê. Uns quadros daquele desenho animado do momento, do canal infantil que toda mãe e pai sabem que o futuro pequeno irá amar assistir na televisão, também são uma ótima figura.

 

 

7 – Cortinas
As cortinas precisam ser claras para a entrada de luz, podendo ser recobertas por algumas mais escuras, caso seja necessário o bloqueio da luz solar. A luz é muito importante na concentração de Vitamina D no nosso corpo e, ainda mais, em crianças recém-nascidas é sempre de suma importância receber os raios solar (não em demasia, claro) entrando nos seus cômodos. Outro benefício é a limpeza do ambiente via o calor do sol. Com a incidência dele, o cômodo fica livre de qualquer tipo de bactéria que possa causar doenças no bebê. O ar puro e o sol são sempre ótimos, por isso opte por cortinas claras que permitam sua entrada e deixe o quarto do bebê charmoso.

 

 

8 – Poltrona da mamãe e do papai
A madrugada proporcionou aquele choro costumeiro. Alguém tem de levantar para colocar o pequeno de volta para o berço e certificar que seu sono não seja interrompido. Por isso a poltrona é tão essencial. A poltrona, além de clássica, é fundamental para a exausta mãe e o cansado pai descansarem enquanto tomam conta da sua preciosidade. Opte por uma combinação geral. Cores que variem para um escuro vivo ou um tom claro. Tente evitar o meio termo entre as cores nessa peça para ter o equilíbrio certo no quarto do bebê.

 

9 – Cômodas e luminárias
Alguns bebês só pegam no sono com luzes acesas. Por isso uma luminária é sempre bem-vinda. Para que não haja aquele problema de dormir com a luz mais forte, uma luminária pode resolver o problema. A fonte de luz é menor, agradando o ambiente do bebê. A luz muito forte faz mal para o sono noturno da criança.

As cômodas, assim como as luminárias, podem seguir um padrão “desenho animado”, digamos assim. Puxadores personalizados, cores claras e muita criatividade na hora da compra. A ideia é interessante e dá uma ótima pitada de originalidade ao quarto do bebê.

 

10 – Arte surpresa
Papais e mamães, é a hora de pôr a mão na massa! Preparem, juntos, uma arte pessoal na parede do futuro filho. Trabalhar juntos em algo pessoal para o filho que está por vir traz uma ótima harmonia para o quarto do bebê. Reserve uma parede para que os pais, juntos, produzam algo para seu filho, com tudo aquilo que estará para receber no futuro: amor e mais amor.

Sem comentários

Publicar um comentário