COMPRE ONLINE
Ser mãe! O desafio da maternidade.

Ser Mãe! O desafio da Maternidade

A Maternidade é um grande desafio, mas podemos buscar o equilíbrio e desfrutar dos bons momentos  e aprender com os ruins.

 

 

Ser mulher não é uma tarefa fácil, principalmente quando optamos pela mais linda e prazerosa das profissões: ser mãe! O desafio da maternidade começa já no planejamento dos filhos. Os planos envolvem toda uma estrutura para que os sonhos sejam realizados da forma que queremos. Trabalhamos, somos amigas, parceiras, confidentes, esposas e ainda temos que dar conta da casa. Afinal, o que é uma casa sem o toque feminino? Além disso, cuidar do casamento é essencial para obter sucesso na relação. Ser atenciosa, carinhosa e presente no relacionamento é o papel de toda mulher que nasceu para ser esposa.

 

 

Trabalho x Casa

 

Estamos no século XXI, tempos modernos em que a maioria das mulheres sentem prazer de trabalhar, possuem uma forte necessidade de serem independentes financeiramente. Ser uma mulher de negócio faz parte do atual cenário do mundo. Mas para obter crescimento e sucesso no trabalho, outros fatores são agregados às lutas diárias: estudar, fazer inúmeros cursos, capacitações, especializações. Mais uma etapa que a mulher tem que driblar! Ser mulher é ser várias pessoas em uma só: a esposa, a empresária e dona de negócios, a líder da casa, a aluna; porém, agora vamos falar da mulher mãe.

 

 

Tudo começa durante a gestação

 

A maternidade é uma dádiva. Desde o primeiro teste positivo, o instinto materno já soa dentro de qualquer mulher. Temos a honra, o presente de gerar e carregar um ser genuíno dentro de nós. A partir daí a rotina turbulenta de uma mãe começa a aparecer. Entre médicos, trabalhos, ultrassons e atividades em casa, a mulher precisa se desdobrar para dar conta de tantas tarefas e compromissos. Além de passar por várias consultas por mês, a futura mamãe terá que compartilhar seu precioso tempo na montagem do enxoval do filhote. São tantos detalhes: quarto, móveis, roupas, fraldas. Toda mamãe à espera de um lindo bebê, gosta de dar um toque próprio no quartinho do filho, além de lavar e secar todas as roupinhas novas compradas a cada semana.

 

 

 

O grande dia chegou - A chegada do bebê

Enfim o dia tão esperado chegou! A mamãe precisa manter a calma e a paciência, pois quase sempre na hora do parto é o papai quem fica nervoso. Entre contrações de minutos em minutos, a mulher deve seguir firme, forte e calma à espera de seu filho, com o coração cheio de amor. Depois do parto, a nova mamãe esquece toda e qualquer dor, recebe seu filho nos braços e tem a tarefa de carrega-lo com o maior amor do mundo por toda sua vida. Lembre-se: a dor do parto é a única que lhe dá algo (algo que será o grande amor de sua vida).

 

 

Chegar em casa após o nascimento do bebê é maravilhoso. Logo quando nosso filho nasce já sonhamos em levá-lo para o seu ninho de amor, pois simplesmente passamos nove meses esperando por este momento. É um sonho colocá-lo no bercinho que você escolheu com amor; arrumar as roupas de cama e as roupinhas que você lavou e passou com tanto carinho, vê-lo enfeitar o quartinho que você montou enquanto ficava imaginando o rostinho dele. Tudo muito lindo e calmo… Mas espere aí, ainda não contamos sobre o outro lado da maternidade: ser mãe é estar preparada também para os choros noturnos, as cólicas repentinas.

 

 

Super Mãe - O desafio da maternidade

A super mãe deve entrar em ação, mesmo que perca alguns minutos de sono, tenha noites mal dormidas e dores no corpo (por muitas vezes por ficar em posições incômodas para agradar o bebê). Mais uma personalidade da mulher: nessas horas a mãe vira médica, com especialidade em pediatria. Ela passa a entender tudo o que está acontecendo com seu filho, desde as cólicas até os incômodos. A mãe também passa a ser uma espécie de naturalista: entende tudo de ervas e chás para fazer com que seu filho melhore de forma natural.

 

Acabou a licença maternidade, hora voltar ao trabalho!

Cumprida a licença maternidade, após seis longos meses, é hora de voltar ao trabalho. Sem dúvida alguma, é um momento muito difícil para todas as mães. Imagine cuidar do seu filho 24 horas por 180 dias, e de repente ter que deixá-lo por cinco, seis, sete horas. Muitas mulheres se sentem mal, angustiadas e até deprimidas. Mesmo que o bebê fique na companhia dos avós ou do papai, não adianta. Para a mãe, ninguém tomará conta da criança como ela.

 


Baixe nosso e-book gestação mês a mês

Chega então a fase das conciliações: maternidade, trabalho, casa, casamento, os conhecimentos e o cuidado com o filho. A profissão é essencial para a formação da mulher, que precisa ajudar na sustentação deste novo lar que está sendo construído. Além disso, a alegria e o orgulho de si mesma por estar crescendo como profissional são essenciais para manter a autoestima elevada. Queremos ser exemplo para nossos filhos, e por esse motivo devemos mostrar a importância dos estudos, do trabalho e das capacitações para enriquecer os conhecimentos.

 

 

Pai e Mãe devem dividir as tarefas

O casamento deve ser compartilhado. Nele, tanto o homem quanto a mulher precisam cuidar um do outro, dividir os problemas, alegrias, tristezas e preocupações. A relação tem que ser de cumplicidade, onde um é o suporte do outro. Em um ambiente onde existe amor e respeito, afloram-se os sentimentos bons e exemplos positivos.

 

Cuidar da casa é muito importante. É o nosso lar, o lugar onde está sendo construída a família que sempre sonhamos. É fundamental que saibamos onde estão as coisas, que dominemos a organização do nosso cantinho, assim como as regras a serem seguidas.

 

 

Participe da vida do seu filho

Participar da vida de seu filho é essencial para a criança e para si mesma. Não abra mão de levá-lo ao colégio, ao médico, ao judô ou ao ballet. A formação dela engloba a atenção e o carinho dos pais. Procure saber o que acontece na vida da criança, não falte às reuniões da escola, seja uma grande amiga, a melhor que ele possa ter.

 

Ser uma super mulher necessita de jogo de cintura, paciência e principalmente amor. Lembre-se que conciliar todas essas coisas não é uma tarefa fácil, mas também não é impossível. Tem sim como ser mãe, esposa, mulher de negócios e dona de casa. É o amor pelos nossos entes que nos rege, é a partir deles que ganhamos forças para vencer um dia de cada vez.

 

A Clik Baby montou um pequeno Guia de Compras para ajudar a mamãe durante toda a gestação, confira as dicas imperdíveis:

  1. Monte e decore o Quarto do Bebê
  2. Escolha o Berço Ideal
  3. Como escolher a Mala da Maternidade

Também sugerimos os seguintes conteúdos:

  1. E-book Gestação mês a mês gratuito
  2. Revista Gestante Magazine edição número 01
  3. O que levar para a maternidade?
  4. Estou Grávida e Agora?
  5. Calculadora conversora de semanas para meses de gravidez
  6. Alimentação saudável na gravidez em 7 passos!
  7. Cuidados na gravidez! 16 curiosidades que você precisa saber
  8. Zika vírus, gestante saiba como se prevenir.
Sem comentários

Publicar um comentário